Como se tornar um professor particular?

Não é só um excelente método de ganhador dinheiro, mas também fará maravilhas para as suas perspectivas de emprego.


A tutoria é um trabalho flexível que você pode ajustar nos seus estudos ou outro trabalho. E, melhor ainda, ele também fica ótimo em seu currículo, pois mostra que você é tão incrivelmente capaz em sua área de assunto que até confia em ensiná-lo a outras pessoas!

Quer trabalhar como professor particular? Este guia tem todas as informações necessárias para começar.

O QUE É SER UM TUTOR?
Ser um tutor, ou professor particular, é dar apoio educacional, individualmente ou em pequenos grupos. É diferente do ensino regular, pois deve ser complementar, o que significa que funciona para apoiar ou complementar as atividades regulares da sala de aula.

Quais são os diferentes tipos de aulas particulares?
  • Centros de aprendizagem - Classes de até vinte alunos normalmente se reúnem em centros de aprendizagem depois da escola ou nos finais de semana. Essas lições geralmente seguem o mesmo modelo orientado pelo professor que os alunos veem na sala de aula, ou seja, os alunos seguem os mesmos métodos. 
Para muitas crianças, uma dinâmica de pequenos grupos pode ser um forte motivador social para aprender, enquanto o senso de camaradagem também pode ser benéfico. No entanto, essas lições não são personalizadas. Os centros de aprendizagem adaptam seu programa às necessidades da turma, o que pode ser problemático se o modelo orientado pelo professor já está falhando com seu filho. 

  • Tutoria individual e presencial - Um formato individual permite que o tutor se conecte com um aluno individual. Os tutores podem adaptar as lições ao ritmo e às exigências de cada criança, enquanto os alunos sentem que têm um adulto ao seu lado. Isso é útil quando o fraco desempenho acadêmico está afetando a confiança de uma criança nas aulas. 
  • Tutoria on-line individual - Com a tutoria on-line, uma criança pode se conectar com seu instrutor em tempo real através de um computador ou tablet.

Existem dois modos gerais de tutoria on-line:
  1. Aulas síncronas, onde o aluno e o tutor estão online juntos em tempo real.
  2. Tutoria assíncrona, na qual o aluno e o tutor estão on-line em momentos diferentes. Nesse cenário, o tutor define o trabalho e o aluno envia respostas para avaliação posteriormente. 
Um relacionamento ideal de tutoria combina elementos de ambas as configurações.

OS BENEFÍCIOS DE SER UM PROFESSOR PARTICULAR
A primeira coisa - caso você precise se convencer um pouco, aqui estão quatro razões para começar a aula particular enquanto estiver, por exemplo, na universidade:

  • Vale a pena - você pode ganhar um dinheiro decente como professor particular. Os valores exatos variam de acordo com a sua base, qual é a sua especialidade e quanto de especialista você pode realmente afirmar ser, mas estamos falando de pelo menos R$ 50,00 reais por hora.
  • É uma ótima experiência - a tutoria em particular também ficará incrível em seu currículo, especialmente se você for capaz de obter trabalho suficiente para administrar uma mini-empresa com seu próprio site e tudo mais. Ao tomar a iniciativa de começar a dar aulas particulares, você também demonstra que é empreendedor e tem espírito de negócios.
  • É um trabalho flexível - pode ser difícil equilibrar o trabalho com os estudos. Mas, com aulas particulares, é possível escolher as horas em que você trabalha, embora as noites e os fins de semana sejam os mais populares entre os clientes. Se um prazo aparece, normalmente você pode remarcar com o seu aluno sem muito incômodo (embora provavelmente não recomendaria fazer isso por ser irritante).
  • É realmente bom para os seus estudos - Quão incrível seria receber um pagamento para revisar ? Ao oferecer aulas em seu assunto especializado, é isso que você está fazendo essencialmente! Não há melhor maneira de solidificar algo inteiramente em sua memória do que ensiná-lo a outras pessoas.

QUAIS AS HABILIDADES NECESSÁRIAS PARA SER UM TUTOR?
Para ser um ótimo tutor (e, portanto, ganhar mais dinheiro), você precisará das seguintes habilidades:

  • Grande conhecimento específico - Ao oferecer seus serviços como tutor em seu assunto, é importante que você realmente saiba suas coisas. Infelizmente, apenas pensar que você é bom nisso não conta - você precisa ter provas concretas (boas notas, ótimas referências, etc.) para se provar nessa área.
  • Ótima comunicação - Você precisa se envolver com os alunos para ajudá-los a aprender. É essencial ter uma boa comunicação se você estiver fazendo aulas particulares de tutoria em uma vídeo chamada, pois pode ser mais difícil ensinar e aprender em bate-papos virtuais. Ao trabalhar com pessoas mais jovens, você também precisará se comunicar efetivamente com os pais e atualizá-los regularmente sobre o progresso de seus filhos.
  • Bom conhecimento das técnicas de revisão e exame - Fazer alguma pesquisa sobre as mais recentes técnicas de revisão é muito importante. Lembre-se de que, independentemente de uma técnica de revisão específica funcionar ou não, seu aluno poderá responder de maneira diferente, pois pode não ser o mesmo tipo de aluno (outra coisa que você deve pesquisar).
  • Gerenciamento de tempo - Você precisará aprender a equilibrar todas as aulas de reforço de seus clientes com os seus estudos e lembre-se de planejar com antecedência antes de cada sessão. Se você aparecer despreparado (ou pior ainda, atrasado), terá uma má reputação e não terá muito sucesso. 
  • Paciência - Esta é realmente uma das qualidades mais importantes em um professor. Se alguém contratou um professor particular para si ou para o filho, é provável que esteja lutando com um assunto específico. Com isso em mente, não espere que eles se tornem especialistas imediatamente - mantenha a calma, deixe-os aprender em seu próprio tempo e mantenha-se positivo.

QUE QUALIFICAÇÕES VOCÊ PRECISA PARA SE TORNAR UM PROFESSOR PARTICULAR?
Você pode precisar de uma licenciatura em pedagogia para se tornar professor nas escolas do Brasil, mas não precisa de qualificações específicas para se tornar um tutor pessoal. Ter um diploma é útil, pois mostra autoridade no assunto e pode ajudá-lo a garantir o trabalho, mas não é essencial.

Se você possui uma qualificação de pós - graduação, isso realmente o ajudará a se destacar de clientes em potencial.

Ou, se você não possui um diploma, a experiência anterior em ensino ou treinamento o manterá em boa posição, assim como as notas altas no Exame Nacional do Ensino Médio-ENEM. Contudo, até a experiência de babá será útil, pois mostrará que você é bom com crianças!

Mas, em última análise, se você puder vender a si mesmo e seus conhecimentos, e fornecer um bom serviço de forma independente, poderá gerar mais clientes por meio de recomendações e boca a boca.

Embora não seja legalmente exigido, é uma boa ideia fornecer certidões de antecedentes criminais se estiver trabalhando com alguém com menos de 18 anos.

Os pais costumam pedir para ver isso antes de pensarem em aceitá-lo, e mesmo que não o façam, você obterá alguns pontos sérios de profissionalismo se apresentar.

AS RESPONSABILIDADES DO TRABALHO DE UM TUTOR PARTICULAR
Aqui está um rápido resumo das principais responsabilidades de um professor particular:

  • Avalie o nível de habilidade e as necessidades do seu aluno - Cada cliente será diferente e você terá que adaptar seu ensino de acordo.
  • Programe e planeje sessões - Eles precisam cobrir o conteúdo relevante e você terá que usar diferentes métodos de ensino para manter cada classe envolvente.
  • Pesquise - Provavelmente as coisas mudaram a partir de quando você estava na escola; portanto, você precisa entender exatamente o que precisa cobrir para que seu aluno seja bem-sucedido nos exames.
  • Produza relatórios de progresso - Para provar a seu aluno e / ou seus pais que seu serviço está causando impacto, você precisará fazer relatórios de progresso para mostrar seu desenvolvimento.
  • Organize o pagamento - seja por meio de um serviço de terceiros, dinheiro na mão ou outro acordo financeiro, você precisa garantir que o dinheiro esteja chegando. Explicamos abaixo sobre o pagamento de impostos como professor particular.
  • Promova-se - anunciar seus serviços como professor particular é um requisito contínuo, pois seus alunos não ficarão para sempre! Certifique-se de promover constantemente seu trabalho para ter um fluxo constante de novos clientes.

QUANTO VOCÊ PODE RECEBER COMO PROFESSOR PARTICULAR?
Professores particulares geralmente cobram entre R$ 45,00 a R$ 50,00 por hora. Os horários das aulas tendem a durar uma hora (vamos ser honestos, nem mesmo seu próprio tempo de atenção pode se estender muito além disso); mesmo que você gerencie apenas duas sessões por semana, ainda estará ganhando uma quantia honesta de dinheiro.

Você pode cobrar um pouco menos se estiver oferecendo um serviço de aulas particulares online, como o Zoom ou o Skype. Além disso, você pode tentar oferecer um desconto para clientes que reservam sessões em massa para obter receita garantida.

Você também pode aumentar seus ganhos ensinando mais de uma pessoa por vez. No entanto, alguns sites recomendam que você ofereça descontos para grupos.

Faça o que fizer, verifique se sua tarifa cobre seus custos indiretos! É importante levar em consideração o custo do material didático, bem como o custo e o tempo do deslocamento.

VOCÊ PRECISA PAGAR IMPOSTOS COMO TUTOR?
Como você trabalha por conta própria, é sua responsabilidade concluir sua declaração de cada exercício.

A vantagem é que, se essa é sua única renda, e estiver no início, ou se você trabalha apenas algumas horas por semana, é improvável que você exceda o valor de isenção para pagamento de imposto de renda.

DICAS SOBRE COMO SE TORNAR UM PROFESSOR PARTICULAR
Se você deseja se tornar um professor particular, aqui estão as melhores coisas a fazer para começar:

Escreva um currículo forte - seu currículo é a melhor maneira de fornecer aos novos clientes em potencial uma imagem precisa de você e de suas habilidades. Portanto, certifique-se de não economizar nesta etapa.

Também é uma boa ideia buscar algumas referências profissionais (de um antigo chefe, de um dos seus professores da universidade ou de um amigo da família com um cargo importante, talvez), pois isso realmente ajudará a vender seus serviços.

Decida qual nível de habilidade você está buscando - é muito mais provável que você recrute novos clientes se direcionar seus serviços para um nível de habilidade específico.

Por exemplo, ensinar crianças do ensino fundamental é totalmente diferente que treinar jovens de 17 anos do ensino médio. Portanto, embora não haja nada que o impeça de fazer as duas coisas, às vezes é melhor concentrar seus esforços em uma área.

As principais áreas de tutoria são:
  • Disciplinas principais da escola primária
  • Disciplinas principais do ensino médio
  • Qualificações internacionais (por exemplo, pós graduação internacional)
  • Ensino de idiomas (todos os níveis).

Se, por exemplo, você decidir se concentrar em oferecer aulas aos alunos do ensino médio, deverá realmente conhecer sua grade e o que os alunos devem fazer para ter sucesso nos exames.

Como resultado, você pode oferecer um serviço particular de tutoria melhor e mais especializado, em vez de se expandir, cobrindo muitas áreas.

Dê as caras - para apresentar seu serviço de tutoria, você precisará escrever algo semelhante a uma carta de apresentação, onde declara com confiança o que o torna um tutor ideal para alguém que procura aprimorar seu assunto especializado.

Inclua boas notas, grandes realizações relevantes e até faça uma citação ou duas da equipe da universidade ou depoimentos de alunos anteriores (se houver).

Você pode usar esse campo como material para converter em um anúncio para seus serviços - o que nos leva ao próximo ponto ...

Comece a anunciar - usando o pitch que você já criou acima, agora você pode editá-lo ou cortá-lo para se adequar ao seu público ou espaço publicitário e começar a divulgar a palavra.

Os melhores lugares para começar a promover seus serviços de tutoria seriam:

  • Fóruns on-line (fóruns universitários, de pais e de mães, etc.)
  • Quadros de avisos (na universidades, nas vitrines, na biblioteca local ou no centro comunitário)
  • Nos grupos do Facebook (tente grupos de residentes em sua área local e você poderá criar sua própria página comercial)
  • Colocar folhetos nas caixas de correio das pessoas em sua área local
  • Em sites de anúncios classificados como a OLX e Usado Fácil.

Existem vários sites por aí que funcionam como agências de tutoria, nas quais você pode se inscrever para corresponder a alunos em potencial.

No entanto, esses sites cobram uma taxa única ou recebem um corte contínuo de seus pagamentos; portanto, pode valer a pena contratar mas usá-los como último recurso.

Configure suas sessões de tutoria - quer você esteja ensinando on-line ou pessoalmente, a comunicação com o seu tutor é fundamental! Marque uma hora e um local com antecedência e verifique se você está pontual.

Faça muitas perguntas para descobrir exatamente o que o seu aluno precisa e pesquise em profundidade o currículo e os pontos de observação. É uma boa idéia ter uma sessão introdutória para estabelecer o que você deseja das sessões e definir algumas metas realistas .

Faça o que fizer, verifique se está preparado. Aparecer sem nada toda semana e esperar apenas ajudar seu aluno com a lição de casa não impressionará ninguém.

Escrito por Jake Butler

0 comentários:

Postar um comentário

My Instagram